Como se preparar para a alta sazonalidade

Como se preparar para a alta sazonalidade

É claro que as vendas afetam um negócio. Menos dinheiro entrando gera um impacto grande na produção. Mas o gestor financeiro precisa estar preparado para esse tipo de revés.

 

Um negócio com vendas sazonais ou com sazonalidade possui seu nível de atividade condicionado a diferentes períodos do ano. Independente do esforço de vendas, haverá meses naturalmente melhores e meses naturalmente piores. Sazonalidade de vendas refere-se a um ciclo repetitivo em determinados períodos do ano. Ela aborda por exemplo, meses em que o empreendedor fecha mais negócios e vendas em relação aos meses em que o negócio vende menos.

 

Um exemplo de sazonalidade repetitiva é o verão, que todo ano exerce impacto extremamente positivo nos setores de hotelaria e turismo. Um exemplo de sazonalidade não repetitiva para os mesmos setores é a ocorrência de um feriadão. Este evento só ocorreu, pois nesse ano o feriado caiu na terça-feira ou na quinta feira, mas ano que vem, ele não se repetirá.

 

Há vários negócios naturalmente sazonais. Setores ligados a hotelaria e turismo costumam aquecer no verão, com exceção do turismo para lugares frios ou de neve. Vários setores, principalmente ligados a educação formal ou informal, seguem o calendário escolar.

Se você tem algum tipo de planilha para registrar e controlar suas vendas, fica mais fácil entender esses períodos e se preparar para esses tempos de poucas vendas. Por isso a principal dica, nesse caso, é registrar e controlar suas vendas, para assim começar a entender melhor como a sazonalidade atua em seu negócio e nas suas receitas.

 

Abaixo separei algumas dicas para se proteger da sazonalidade:

 

Faça seu Planejamento Financeiro

É fundamental para lidar com períodos onde se vende menos, para que você não seja pego de surpresa e sua empresa fique sem “cash”. Faça cálculos detalhados do quanto a sua operação pode ter de tamanho nos períodos ruins, tente reduzir contratos nesses períodos e estipule metas para os períodos bons.

 

Planeje a sua operação

Da mesma forma que você fez o planejamento financeiro para saber quanto você vai precisar faturar para aguentar a operação nos períodos de baixa, vale pensar no próprio período de alta. Responda as seguintes perguntas:

  • Quanto eu precisarei ter de estoque?
  • Com qual antecedência preciso comunicar fornecedores?
  • A forma como eu opero a minha logística dará conta?
  • A minha equipe atual conseguirá operar a demanda esperada?
  • Fazendo as alterações necessárias, eu consigo pensar em um modelo que mantenha meu lucro alto no melhor período do ano?

Gostaria de conhecer melhor a VR Gestão?